quinta-feira, dezembro 03, 2009

O Tecido Minado

Todos sabem que a feira mensal de Peniche é um dos maiores antros de venda de produtos contrafeitos no país, rivalizando com a mítica feira de Carcavelos, e que desta actividade a autarquia local encaixa alguma receita pelo aluguer do terrado.
Não vou contra a existência da feira (embora para bem da indústria local, tal não devesse ocorrer em horário laboral), mas sim contra a ilegalidade e impunidade que nela grassa, tão lesiva para o tecido económico local e nacional.
Apesar da desproporção de forças envolvidas (155 elementos da autoridade para fiscalizar cerca de 100 feirantes !?), não deixo de me congratular pela operação de fiscalização da PSP, que ocorreu na passada 5ª feira.
Para quem leu a notícia por inteiro, até parece que sou o único a fazê-lo.

28 contributos:

At 3/12/09 10:49, Anonymous pb disse...

Se suspeitam de ilegalidades, fiscalize-se.
Nesta notícia o que mais me espanta é o facto de não se realizar mais nenhuma feira até ao Natal para "não prejudicar o comércio tradicional". Como!? Partindo do principio que não há contrafacção (isso sim, concorrência desleal) e que os feirantes pagam os seus impostos, uma feira não pode concorrer em igualdade de circunstâncias com o restante comércio?
Que economia de mercado é esta? Não estaria na altura do comércio de Peniche pensar seriamente em requalificar-se, modernizar-se e tornar-se concorrencial? É que no actual estado obsoleto, desaquado da realidade, sem oferta, não há restrições a feiras, Modelos e afins que os salvem.
PB

 
At 3/12/09 20:10, Anonymous Anónimo disse...

Não es comerciante tá visto, por isso assim falas bonito

 
At 3/12/09 22:13, Anonymous Anónimo disse...

E verdade que o comercio em Peniche é como os dirigentes da terra, muito fraco sem imaginaçào nenhuma, estào a espera que o mundo inteiro venha ter com eles, ainda por cima a maior sào arrogantes sem simpatia vivem numa ilha intelectual passam o tempo em lamentaçoes, precisam sempre de um bode expiatorio sendo eles uns mediocres, agora é os ciganos e a contrafaçao, amanha sera os judeus, acordem tenham um pouco de cultura, o comercio é um serviço, nào um frete que estào a fazer aos clientes, ah e nào se esqueçam que com a IP6 encontram-se pessoas amaveis e simpaticas a 15mn de Peniche que querem trabalhar, e eu por um sorriso nao me importo de andar 25KM.

 
At 4/12/09 08:51, Anonymous PB disse...

Não sou comerciante, não. Sou consumidor e tirando material para pesca, bricolage ou surf não encontro nada do que procuro em Peniche. Já me aconteceu ter que ir às Caldas para comprar coisas tão ridículas como meias ou um cinto...
PB

 
At 4/12/09 09:32, Anonymous Anónimo disse...

Pb isso é um pouco de má vontade em procurar... Meias e um cinto ?
você não compra nada em Peniche e por isso não se lembra onde poderá encontrar umas meias e um cinto ...
É provável que trabalhe em Peniche, deve ser empregado de algum comerciante ou industrial pouco moderno de Peniche. Ganham o dinheiro na terra, mas para se sentirem muito modernos têm que ir comprar a Caldas... Com tantas ideias, deveria abrir um comércio, daqueles que há Caldas.

 
At 4/12/09 10:16, Anonymous pb disse...

Não, não é má vontade. E o ridiculo exemplo das meias e do cinto foi apenas o último. E acredite que procurei bem em Peniche antes de ir comprar a outro lado. Se calhar sou um consumidor exigente, mas olhe que cada vez há mais como eu.
Compro em Peniche quando preciso de o fazer e quando há oferta que me satisfaça. Se não há, tenho que procurar noutro lado, o que não me dá especial gozo, antes pelo contrário.
Não vivo em Peniche, não trabalho em Peniche e não ganho dinheiro na terra nem da terra. Aliás, só gasto dinheiro na terra. E só não gasto mais porque não há onde gastar.
Quanto à ideia de abrir um comércio, é bem provável que o venha a fazer, mais depressa do que imagina. E quando o fizer, não vai ser igual nem aos das Caldas, nem aos de Lisboa, nem aos de lado nenhum. Peniche tem de habituar-se a deixar de ser invejosa e seguidista e a diferenciar-se, puxando pela cabeça, tendo ideias, fazendo e aproveitando coisas que a tornem única e incomparável.
PB

 
At 4/12/09 10:44, Blogger jkimilas disse...

vá lá, vá lá.
até admira ainda não ter aparecido ninguém a dizer que os culpados desta terra-marasmo-económico são... os mesmos, os do costume, os totós.

 
At 4/12/09 11:02, Anonymous Anónimo disse...

Parabéns! O sr. é uma pessoa com a autoestima muito alta. Pois tenha cuidado, ao abrir uma loja/negócio
a sua autoestima pode baixar um bocado... Peniche precisa de mais empreendedores.

 
At 4/12/09 11:26, Blogger manuel disse...

Muito que se diz aqui acerca do comercio de Peniche e uma verdade .
Ate um parafuso que nao encontro em Peniche tenho as vezes que ir comprar nas Caldas da Rainha . nuitas das vezes nao se encontra em armazem por falta de cuidado de fazer ordens ao que esta esgotado.
Como sempre sou muito reparado quando procuro um produto que uma casa normalmente vende e que esta esgotado . A resposta e que o caixeiro viajante so vem daqui a duas semanas etc, etc,
Eu tento comprar em Peniche mas tenho que comprar fora um artigo que deveria ser vendido em Peniche mas que nao se encontra desponivel muitas das vezes. Existe quanto a mim muita falta de organizacao nos
produtos que nao se vendem em Peniche so por desleixo de quem trabalha e nao toma nota das faltas para repor o material que deve estar a venda
Ja eu estou metido mais uma vez em controversas
Nao se esquecam ,Salvem o Hospital, Salvem Peniche Reparem a ETAR e Sereis Salvos
Manuel Joaquim Leonardo
Peniche Vancouver

 
At 4/12/09 13:42, Anonymous pedro disse...

epa o homem vem do canada para comprar parafusos a penniche.
vai la vai.

PEDRO,PENICHE

SALVEM PENICHE DESTE SENHOR E SEREMOS SALVOS


PS:SO SE E PARAFUSOS PARA A CABEÇA

 
At 4/12/09 14:32, Blogger El Comandante disse...

Nas Caldas é que é bom!!
Vão lá comprar parafusos, meias, cintos, mas a louça levam de Peniche.

 
At 4/12/09 17:43, Blogger manuel disse...

A louca tambem a compram nas Caldas e ate a levam para o estrangeiro !
Manuel Joaquim Leonardo
Peniche Vancouver Canada
Salvem o Hospital, Salvem Peniche, Reparem a ETAR e Sereis salvos

 
At 5/12/09 00:29, Anonymous Anónimo disse...

Epah, um não vive cá, não trabalha cá e não ganha cá...será que também é canadiano?
O verdadeiro e assumido canadiano parece que vem cá comprar qualquer coisinha de vez em quando, parafusos (que muita falta lhe fazem!) e outras bugigangas fabricadas para aí na década de 50, já que ainda são trazidas por caixeiros-viajantes (há que décadas já não ouvia esta expressão).

 
At 5/12/09 00:35, Anonymous Anónimo disse...

Sr. PB, exprime-se com extrema arrogância e superioridade.
Parece ser alguém cheio de certezas, confiança e auto-estima.
É natural que não tenha encontrado meias e cinto: não mora em Peniche, não trabalha em Peniche e (acrescento eu) não conhece Peniche) Boa sorte para o seu negócio que bem vai precisar dela.

cumps.

 
At 5/12/09 12:06, Anonymous Anónimo disse...

Sr. PB! Finalmente alguem que diz as verdades!

 
At 5/12/09 12:28, Anonymous pb disse...

Por favor não confundam "arrogância e superioridade" com confiança. E obrigado pelos votos de boa-sorte, mas quando um negócio é bem planeado, estudado e estruturado, a sorte é um factor praticamente irrelevante no seu sucesso.

Quanto ao anónimo que insinua que a minha "auto-estima pode baixar um bocado", faz-me lembrar a história contada por um empresário português de sucesso radicado nos EUA:
"Aqui quando andam de autocarro e vêem um tipo a passar de Ferrari, pensam 'vou trabalhar e hei-de ter sucesso até um dia também andar de Ferrari'. Em Portugal, se vêem alguém a passar de Ferrari pensam logo 'hás-de ter tanto azar e a vida vai-te correr tão mal que um dia acabas aqui a andar de autocarro comigo".
É ou não é?
PB

 
At 5/12/09 13:06, Anonymous Anónimo disse...

Não estará na altura de exigirmos aos feirantes que se modernizem e contribuam para as finanças do nosso país?
- Iniciar actividade nas finanças.
- pagar impostos: iva; irc; irs etc
- pagar segurança social
- seguros
- rendas de estabelecimentos.

O comércio tradicional que existe em Peniche, mesmo não estando modernizado ainda dá emprego a muitos penicheiros e paga muitas rendas a muitos senhorios e algum IMT à CMP.

Mesmo que os feirantes pagassem os seus impostos, segurança social e não vendessem produto contrafeito e sem facturas,não acrescentam nenhuma mais valia para Peniche.

Não dão emprego a ninguém, não pagam rendas a nenhum senhorio e julgo que a CMP tem prejuizo, o valor de receita do terrado não cobre a despesa que tem com a limpeza e manutenção do espaço.
Vêm somente sacar o dinheiro...

A feira mensal, feira diária na frente do mercado e a feira da Bufarda prejudicam sériamente a maioria do comércio tradicional de Peniche.
Estamos numa altura em que a maioria dos comerciantes luta desesperadamente para manter a porta aberta e honrar os seus compromissos com funcionários e fornecedores.

O comércio tradicional está no meio de duas grandes concorrências:
as feiras (com produtos contrafeitos, sem facturas, sem impostos ...) e os centros comerciais com as grandes cadeias de lojas internacionais e nacionais. Não é nada fácil lutar contra estas duas forças.

Se a CMP estivesse minimamente consciente desta realidade, poderia alterar a periodicidade da feira mensal em Peniche, da feira semanal na Bufarda e também actuar na feira diária no mercado(deixando de atribuir culpas à PSP). A feira mensal e da Bufarda deveriam ser realizadas de 2 em 2 meses e nunca no mês de Novembro. Esta alteração equilibrava a tradição da feira e beneficiava um pouco o comércio tradicional.
Seria muito importante ter coragem para mudar algumas coisas.

Uma comerciante de Peniche.

 
At 5/12/09 17:40, Anonymous Lourenço Marques disse...

e assim vcs podiam encher o bandulho descansadas? claro...sejam COMPETITIV@S Sr.s Comerciantes!

 
At 5/12/09 18:27, Anonymous José Miguel Nunes disse...

Ao Sr. Pedro

O seu comentário é ofensivo e demostra uma grande falta de educação. Se não concorda com o que é dito por alguém tem duas opções: ou comenta sem ofender, ou ignora. É que como não sabemos que está do outro lado, até se pode dar o caso de ser alguém muito mais velho do que nós (o que por acaso até é o caso), e só por esse facto merece-nos respeito. Pense nisso e veja lá se acha que tenho ou não razão, é que não fica nada bem dizer que uma pessoa com cerca de 80 anos precisa de "parafusos para a cabeça".

 
At 5/12/09 18:59, Anonymous Anónimo disse...

Ao Lourenço Marques, que tal abster-se de fazer comentários
estúpidos e saloios? É por haver muitas pessoas como tu que Peniche
não anda para a frente.

 
At 5/12/09 19:00, Anonymous Anónimo disse...

Creio que tudo isto tem a ver com o sobredimensionamento desta feira e na realidade com o aproveitamento de certosfeirantes que prejudicam toda uma classe que é digna e trabalhadora , mas lá mo meio , infiltrados , vão negociando tudo e mais alguma coisa às escondidas das autoridades.
A feira não necessita de 10 a 15 barracas de calças e camisolas . De 12 barracas de pl«asticos e outras tantas ou mais de sapatos .
Precisa isso sim de alguns deles porque a continuar assim teremos que arranjar aí uns 10 hectares urbanizados só para eles.

 
At 5/12/09 22:31, Blogger El Comandante disse...

José Manuel Nunes,
Não se preocupe com gentinha como o pedrinho, o Sr. Manuel sabe-se defender,veja bem que até já o mandou para as novas oportunidades,esse pedrinho é ofensivo e trata muito mal um senhor que tem idade de ser avõ dele, mas o tempo o dirá como ele irá ser tratado.

Gostei do comentário do anónimo de 5/12/09 13:06., é a pura verdade, mas além disso acredito que o comércio em Peniche , como noutras localidades (ex: Torres Vedras, Caldas da Rainha ) tem os dias contados, só irão sobreviver as grandes superficies comerciais e alguns restaurantes.Não há uma política comercial definida, abre tudo do mesmo ramo colado uns aos outros,só as farmácias com os seus monopólios abrem conforme a populaçao dos concelhos e freguesias, esta é uma realidade, não temos residentes para tanto comércio. Para quê uma cidade como Peniche ter um intermarchê, pingo doce, mini preço , lidl e ainda por cima tudo fora de Peniche, o Mercado Municipal está uma miséria, cada vez há menos vendedores no mercado, passaram para a parte de fora.
Por hoje ficamos assim.
O Sr. PB QUE TENHA JUÍZO E DEIXE A ARROGÂNCIA E A PREPOTÊNCIA DE LADO

 
At 6/12/09 01:32, Blogger manuel disse...

SE SOUBESSES QUEM EU SOU !!!!º

Ja que estamos a falar do comercio aprendam mais esta.Cena passada na fileira da caixa para pagamento num supermercado em Peniche de Cima , tres ,quatro anos atras pouco antes das 12 horas
Primeira pessoa eu .
estava com as minhas mercadorias em cima da passadeira esperando que o funcionario comecasse a marcar
segunda pessoa ele .
ele afasta'me e consegue por as duas coisas que trazia a frente das minhas na passadeira.
EU
em voz baixa digo'lhe obrigado.
ELE com voz arrogante diz
O que e que tu queres ?
Eu
disse que desejava que tivesse sido mais educado e disse ao funcionario que estava na caixa , Por favor este Senhor nao pode ser atendido a minha frente
ELE
O que e que tu queres ?
EU
Que fosse mais bem educado
ELE
AI SE SOUBESSES QUEM EU SOU ,
ANDA LA PARA FORA PARA EU TE PARTIR A CARA
Vos de uma senhora na fila ao lado
Venha para aqui que eu dou'lhe a minha vez .
Tudo isto passado na cara atonita do empregado que nunca abriu a boca mas que me atendeu primeiramente.
Sai com calma mas sempre esperando o que se iria passar. nada se passou
Cerca de uma semana de pois fui a uma instituicao bancaria e dou de caras com o mesmo senhor de cerca de trinta ,quarenta anos que estando primeiro de que eu , solicito me diz
Faca favor de ir a minha frente pois eu tenho que esperar
Fiquei estupefacto mas nao quiz entrar em dialogo e aceitei delicadamente a sua oferta.
Estavamos nesse lugar tres pessoas e uma era um meu Amigo de longa data.
Esperei que esse Amigo saisse e perguntei'lhe quem era aquele senhor que me tinha dado a vez
Ele perguntou'me se eu nao o conhecia .
Respondi lhe que nao
Imformou'me quem ele era filho e fiquei muito admirado pois ate eram pessoas que eu muito respeitava e era respeitado por eles , Contei ao meu Amigo o que se tinha passado e ele quase nao queria acreditar .
Fiqueia saber que eu ate costumava de vez enquanto ir ao seu estabelecimento de servicos publicos e ate gostava de la ir mas nunca dei fe de esse senhor , nem la ,nem em outro lugar .
Mais uma Historia verdadeira em que mais uma vez pensei que fiz o que deveria ser feito.
Bastava umas pequenas palavras . Olhe estou com pressa , o senhor nao se importa que eu seja servido a sua frente ?_
CERTAMENTE EU LHE RESPONDERIA ; COM TODA A CERTEZA FACA FAVOR
La vai a ladainha ...
Salvem o Hospital ,Salvem Peniche ,Reparem a ETAR e SEREIS Salvos

 
At 6/12/09 08:45, Anonymous Vankuva disse...

Salvem-nos do Manel!
Levem o homen pa Peniche, que aqui em Vancouver ninguem o quer!

 
At 6/12/09 11:57, Blogger manuel disse...

Reparem bem.
A mensagem do Vancouver foi escrita com o horario da europa mais precisamente em Peniche,
Ele ate diz uma verdade os caciques aqui que os ha como infelizmente em todo o lado tambem nao gostam de mim.
ªª Ai se vos soubessem quem eu sou !! !ªª
Manuel Joaquim Leonardo
Peniche Vancouver Canada
Salvem o Hospital , Salvem Peniche Reparem a ETAR e Sereis Salvos

 
At 6/12/09 15:16, Blogger El Comandante disse...

Sr. Manuel Leonardo ,
peço desculpa, mas respondo por si,apenas com uma simples frase:

"Não há admiração mais deliciosa do que a do inimigo".

 
At 7/12/09 08:56, Anonymous Robert Ucarlus disse...

Olha o terreno Manel, olha o terreno Manel... foste enganado e fugiu, nunca mais ninguem o viu! Chama-se a isso levar a banhada!
Salvem-nos do Manel!

 
At 8/12/09 06:12, Blogger manuel disse...

Aos Amigos
El Comandante ,
Estimado Professor Jose Miguel Nunes
E a todos vos
Ja ha tanto tempo que nao tenho o prazer do seu contacto mas como tem reparado parece que nao o tenho deixado mal no progresso na inter de Peniche Portugal e Arredores Como o Sr. El Comandante diz nao esteja em cuidados com as baboseiras que alguns a meu respeito dizem pois eu ainda me defendo muito bem gracas ao meu Deus Aproveito para lhe dizer que dentro em breve vou falar com o Senhor e o seu Surf la para outras bandas .
nao o tenho conseguido apanhar .
Esperando que os nossos e seus rapazes deem muita alegria com as suas ondas sou,
Com um abraco no cimo das ondas para todos , pois ao fim e ao cabo ª todos me querem bem ª sou o
Manuel Joaquim Leonardo
Peniche Vancouver Canada
Salvem o Hospital , Salvem Peniche , Reparem a ETAR e Sereis Salvos

 

Enviar um comentário

<< Home