sexta-feira, novembro 26, 2010

Feira-greves

Chegaram-me ecos da reabertura da feira mensal de Peniche, que teve lugar ontem, no seu novo espaço na Prageira.
Maior vigilância, menos contrafacção, num espaço funcional, organizado e digno, parecem mostrar ter esta reactivação obedecido a uma tentativa de alguma requalificação desta tradição concelhia.
Para que a melhoria fosse plena, perdeu-se a oportunidade de remeter a feira para um dia não útil, garantindo maior clientela e evitando as faltas ao trabalho nas empresas locais.
Mas enfim, outros que se preocupem com a produtividade neste país....

2 contributos:

At 26/11/10 20:12, Blogger Bento Gonçalves disse...

com mapa e tudo!
gosto principalmente a 'não utilização' da côr rosa, embora esta semana os "boys da 'touguia" apregoassem que fizeram Greve Geral:'papá, que giro! com os comunas a sério...que emoção...mas afinal eles não comem as criancinhas, que desilusão...o camarada pedroso come mesmo, papá!'
---
este demoraram 5 anos para acertar com o modelo da Feira!
os outros demoraram 30, mas isso sim, "ganhava-se" mais antigamente, pelo menos os 'phiscais'!

 
At 28/11/10 10:40, Blogger ZéPê disse...

Sem querer desvalorizar o trabalho feito, como é uma zona cercada, sinalizar no chão as vias para as SAÍDAS talvez não ficasse mal e prevenia eventuais problemas com uma fuga em massa por causa de um qualquer "susto" ou mesmo in/acidente.

 

Enviar um comentário

<< Home