sexta-feira, janeiro 22, 2010

Eu lembro-me que eles existem!

Pujante e contundente, este artigo de Hugo Bruno, no Jornal das Caldas, remete-nos para a falta de apoio e divulgação de que padece o longevo Futebol Amador de Peniche, relíquia de cultura e desporto amador a nível nacional, e que envolve cerca de 300 pessoas.
Deixo aqui o meu contributo à difusão desta genuína manifestação desportiva que, talvez um dia, ainda possa estar na onda....

3 contributos:

At 25/1/10 11:19, Anonymous Anónimo disse...

Este artigo do Hugo Bruno(para os amigos - O Mosca) está muito bem conseguido. Não critica ninguém, mas alerta para um problema grave, que todos nós que gostamos do Futebol Amador de Peniche, deviamos subscrever.

 
At 25/1/10 12:17, Anonymous Fernando Rijo disse...

É um texto que espelha bem o pensamento não de um jovem mas sim de muitas pessoas em Peniche, Terra onde o futebol sempre foi (e será) o desporto mais falado, em todos os cafés, tascas, tabernas ou restaurantes. Tal como foi dito, aquele campeonato acolhe muitos jovens (e alguns menos jovens) que devido às suas actividades profissionais não podem praticar o futebol de forma assídua numa equipa federada. Desde os treinadores, passando pelos directores até aos jogadores, todos estes, são gente movida apenas pelo prazer de jogar, ver e viver futebol e por esse motivo há um convívio saudável e de competição limpos de valores de motivação como o dinheiro que tanto mina as competições. Parabéns ao Hugo por dizer NÃO á inoperância de tanta gente em Peniche perante uma causa tão justa. Há quem se preocupe, vamos ver se quem tem os meios terá vontade para o fazer...

 
At 25/1/10 15:17, Blogger ana disse...

Penso que ao comentário do Hugo pouco mais há a acrescentar!
Espero apenas que se faça sentir a voz de um jovem preocupado em manter as tradições culturais da NOSSA cidade, visto que há a tendência de seguir em frente com novos projectos, com os quais eu concordo plenamente, mas nunca deixando de lado as antigas tradições de uma cidade piscatória que ao longo dos anos já perdeu demasiado, ao meu ver.
O futebol amador em Peniche move semanalmente dezenas de pessoas a um campo sem grandes condições,mas como quem gosta, gosta sempre, ali estão eles, com chuva e vento o que interessa é a presença semanal de um grande convívio.
Parabéns Mosca pelo teu esforço em manter uma tradição que é nossa!
E Obrigada!!

 

Enviar um comentário

<< Home